Belmonte: Para não ser agredida mulher mata ex-companheiro e confessa o crime - Cannes News

AUDIO

sexta-feira, 1 de março de 2019

Belmonte: Para não ser agredida mulher mata ex-companheiro e confessa o crime


Uma tragédia familiar, que resultou em óbito, marcou a madrugada dessa quinta-feira (28 fev) na cidade de Belmonte. Um homem identificado por Ivo Conceição Bandeira Neto (35 anos) foi assassinado por sua ex-companheira. A autora, Keila Souza dos Santos (28 anos), confessou o crime e foi presa em flagrante pela Polícia Militar.
Segundo as informações do site Belmonte News, Keila estava visivelmente abalada, relatou que sua intenção não era matar o seu ex-companheiro, e sim, defender a sua filha de 11 anos. Ela declarou que Ivo havia chegado alterado em sua residência e estava tentando agredi-la.
A vítima que foi atingida por um golpe de faca no peito, ainda conseguiu saiu da residência, mas, caiu do outro lado da rua, vindo a óbito antes de receber os primeiros socorros. O casal, devido a constantes brigas, não estava mais junto e, segundo Keila, Ivo apenas a visitava para ver o filho.
Ainda segundo a matéria o BN, durante a confusão, um bebê de um mês de idade, filho do casal, também foi atingido acidentalmente por um golpe de faca na perna. A criança foi levada para o Hospital Dr. José da Costa Pinto Dantas, onde recebeu atendimento médico e está fora de perigo. O Instituto Médico Legal de Porto Seguro fez a remoção do corpo para Necropsia e posterior a liberação do corpo para a família realizar o sepultamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.